Escola da inteligência

Para alcançar nossa meta na formação de uma sociedade mais preparada para uma vida feliz, acrescentamos ao nosso currículo o Programa da Escola da Inteligência. O principal objetivo é conduzir nossos educandos a pensar, agir e reagir sobre sua vida, conscientizando-os sobre sua corresponsabilidade inevitável, que os entrelaça a todo ser humano. Necessidade de compreender que o coletivo só se efetivará quando compreender que faz parte atuante dele.

A Escola da Inteligência é um programa que objetiva desenvolver a educação socioemocional no ambiente escolar. Fundamentado na Teoria da Inteligência Multifocal, elaborada pelo Dr. Augusto Cury, ele foi pensado especialmente para atender às necessidades de alunos, professores e família a fim de promover qualidade de vida e saúde psíquica.

Trabalhar as habilidades socioemocionais é tão ou mais importante quanto desenvolver habilidades cognitivas para a obtenção de bons resultados em diversas esferas do bem-estar individual e coletivo, como grau de escolaridade, emprego e saúde. Nesse sentido, a EI surgiu para somar forças com as escolas, buscando suprir a lacuna da educação emocional, tão essencial na formação de cidadãos autônomos e indivíduos mais saudáveis.

Sua metodologia, por meio da educação das emoções, busca melhoria dos índices de aprendizagem, redução da violência nas escolas, aprimoramento das relações interpessoais e o aumento da participação da família na formação integral dos alunos. Todos esses aspectos são trabalhados por meio de um material didático lúdico, dinâmico e inovador, a partir da aplicação de 1hora/aula semanal, dentro da grade curricular.

No âmbito escolar sabe-se, por exemplo, que para aprender os conteúdos curriculares, a motivação e capacidade de gerenciar a ansiedade são habilidades tão importantes quanto à velocidade do raciocínio e memorização. Vale destacar que a autoestima e a confiança são alicerces fundamentais para que posturas mais saudáveis e inovadoras sejam manifestadas, como, por exemplo, a criatividade, que por sua vez envolve a capacidade de reformular formas tradicionais de pensamento. Pessoas com tais habilidades mais desenvolvidas geralmente tornam-se estudantes com maior facilidade para aprender os conteúdos escolares, mais organizadas, focadas e confiantes, aprendizes mais persistentes e resilientes que tendem a se comprometer com objetivos a longo prazo e oidar melhor com frustrações e conflitos.

Dessa maneira, o Programa Escola da Inteligência em parceria com o Colégio Azevedo Marques, apresenta seus três grandes objetivos: o desenvolvimento da inteligência, a promoção da saúde emocional e o aprimoramento de competências voltadas às relações sociais. A Escola da Inteligência e o Colégio Azevedo Marques preocupam-se e voltam-se para uma educação coerente ao século XXI, incorporando sua linguagem à evolução dos estudos na área de educação e considerando, ao mesmo tempo, as inovações vivenciadas nas últimas décadas referente às novas tecnologias e formas de aprender das novas gerações.